Menu
Pesquisa
Português
  • English
  • 简体中文
Visite-nosInscreva-se
  • English
  • 简体中文

Por que participar do programa Mastery?

Por Todd Shy, Head of Upper Division na Avenues New York

O programa Mastery é uma parte fundamental do currículo da Upper School da Avenues e reflete o compromisso da escola em formar alunos que, como descrito na nossa missão, sejam confiantes por se destacarem em suas potencialidades. O objetivo do programa é proporcionar aos estudantes a oportunidade de se envolverem em um ramo de atividade ou estudo de interesse e fornecer apoio e orientação a eles à medida que se dedicarem a esses interesses.

O professor Todd Shy (que na época era diretor do programa Mastery e hoje é especialista em grade curricular no High Intensity Practice - Writing) deu início ao programa Mastery com este discurso para alunos da Upper School no primeiro dia de atividades, em 3 de setembro de 2014:

O que é o programa Mastery da Avenues? De maneira elementar, ele nasce a partir da ideia de que todos nós atingimos nosso potencial máximo de aprendizagem quando nos importamos com o objeto de estudo. Parece ser algo bem simples. Nós aprendemos mais sobre os assuntos que mais valorizamos. Claro, toda aprendizagem é importante. Seus professores não têm esse trabalho árduo porque gostam de sobrecarregar vocês, despejando fardos enormes sobre seus ombros, como em uma atração circense, apenas para testar seus limites. Vou contar a vocês um segredinho sobre a escola: mesmo que todas as atividades em que você se envolver aqui forem importantes, elas não terão a mesma importância para você. Isso não é apenas compreensível, mas é como as coisas devem ser, porque você tem apenas uma vida, e não dá para fazer tudo nesse tempo. Com certeza, você não conseguirá dominar todos os assuntos. Parte da aprendizagem é descobrir, em meio a todas as suas obrigações, o que realmente importa e motiva você a tal ponto que comece a parecer que o envolve e até mesmo faz parte de você, não apenas algo que pedimos para você fazer. Isso é o que conhecemos como motivação intrínseca. Sua motivação vem de dentro. De maneira simples, eu diria que é descobrir o que faz você se sentir vivo e parte integrante do mundo. Quando esse sentimento cresce dentro de você, começa a se assemelhar a uma paixão verdadeira, um investimento real. Você começa a encontrar sua identidade, a descobrir quem realmente é.

Em uma tentativa de entender como é sentir uma paixão assim, um escritor definiu-a como a regrinha do sábado de manhã: O que você faz quando tem uma manhã de sábado livre e não há obrigações, planos, restrições nem expectativas? O que você quer fazer nesse tempo? A pessoa sem foco não consegue pensar em nada. Ela apenas liga a TV ou entra em sites aleatórios. A pessoa focada pega as páginas de uma história ou roteiro que está escrevendo e, apesar de não conseguir imaginar uma maneira de evoluir, não deixa de tentar. Ou a pessoa focada vai até a garagem e continua o projeto da prancha de surfe que está construindo, do taco de golfe que está desenvolvendo ou ainda da maquete de um prédio que está montando. Ou essa pessoa visita uma exposição do Museu de História Natural porque, embora não saiba ao certo como pode aproveitar essa experiência, há algo na astronomia que a fascina como nada mais. Além disso, ela quer ver a nova exibição em cartaz no planetário, apesar de não ter ideia de onde isso a levará ou como poderá fazer algum sentido. Ela está apenas interessada. Ou talvez um pouco mais que isso. Talvez você prefira ler livros, soltar sua imaginação ou sair para uma corrida. De qualquer forma, você está atrás de algo. Está a caminho. Está começando sua jornada. Mesmo que não saiba para onde está indo, você está em movimento. Algo está levando você adiante, e você reage a esse estímulo.

Há pouco tempo, li algo sobre Vincent van Gogh. Na nossa imaginação, vemos o gênio criando aquelas pinturas incríveis da última fase, como as expostas no MoMA. No entanto, nos primeiros anos, ele precisou aprender a desenhar. Em uma carta ao irmão, ele descreveu uma tarde em que estava no campo fazendo esboços de terra arada. Van Gogh teve uma vida difícil. Estava sempre falido, sempre pedindo dinheiro ao irmão. Nas manhãs de sábado, ele ia até o campo e pintava montes de terra marrom e cinza. Certa vez, em que já estava se dedicando a essas pinturas há algum tempo, começou uma tempestade forte, que durou pelo menos uma hora. Em uma carta ao irmão, Van Gogh escreveu: “Eu estava tão ansioso para terminar o quadro que fiquei no mesmo lugar e me protegi como pude atrás de uma árvore grande”. Deixando um pouco de lado a sabedoria de ficar perto de uma árvore em uma tempestade, é interessante imaginar Van Gogh lá, ávido por voltar a pintar os montes de terra, esperando a chuva passar na chuva. Para ele, seria bem fácil aplicar a regrinha do sábado de manhã.

O potencial de uma vida repleta da sensação de comprometimento real como essa é o princípio de uma paixão verdadeira. A beleza do programa Mastery, se tivermos foco (a missão do programa) é levar a sério sua busca por um assunto de interesse que mantenha você motivado por um longo período, que chame sua atenção em um sábado de manhã quando não houver nada planejado, que faça uma tempestade parecer insignificante, que permita a você estar perdido, mas feliz, em uma atividade ou função. Como isso é maravilhoso. Em meio a tudo o que você aprenderá aqui, e tudo tem seu valor, queremos ajudar você nessa busca para descobrir aquilo que mais importa e que, se você encontrar seu foco, poderá se tornar uma paixão ou vocação. Talvez isso tenha um papel fundamental na sua vida ou, pelo menos, nesta etapa da sua vida, a etapa da Avenues.

Não se trata apenas do histórico escolar que você apresentará às universidades, apesar de sabermos que um experimento bem desenvolvido no programa Mastery tem a capacidade de impressionar. Estamos falando sobre o tipo de pessoa que você quer ser e que tipo de trajetória quer para sua vida: alguém que encontrou um foco, a chama da paixão por algo ou apenas o início dela, uma fagulha, e não alguém que não consegue imaginar uma única coisa que gostaria de fazer em uma manhã ensolarada de sábado. O mundo adulto está cheio de pessoas que se perderam porque nunca encontraram esse foco. Talvez a famigerada crise da meia-idade seja uma tentativa tardia de encontrar um projeto Mastery.

Essa é a ideia por trás do programa Mastery. Descubra algo que tenha significado para você. Invista nisso por um tempo. Invista de maneira aprofundada e entusiasmada. No nível máximo de exigência, o programa Mastery envolverá o desenvolvimento de projetos, portfólios, apresentações ou algum outro tipo de experimento Mastery que represente sua jornada, o caminho que você seguiu por um tempo. Esses projetos ou experimentos serão um retrato de muitas experiências e interações com pessoas, livros, filmes, outros tipos de mídia ou até mesmo outras culturas (a chinesa vem à mente) para produzir algo a que você se dedicou ao máximo por um longo período. Conte-nos sobre essa jornada, se ela envolveu política, design de calçados, dramaturgia, empreendedorismo, produção musical, cinema, projetos comunitários, cosmologia, matemática ou algo tão excêntrico e interdisciplinar que não consigamos imaginar até que você descreva para nós. Algo fez você ficar aguardando na chuva, fez você acordar nas manhãs de sábado, chamou sua atenção por um longo período. Você compartilhará isso com a gente. Provavelmente, ficaremos deslumbrados. No entanto, você não se importará com isso, porque a recompensa terá sido o processo de descobrir e expressar alguma atividade que atraiu seu interesse por todas as razões certas.

Eu acredito que, por ora, isso é mais do que o suficiente. A escola está animada com o programa Mastery. Eu também estou. É uma oportunidade incrível que a Avenues está oferecendo a você. Eu me lembro do primeiro indício, no colégio, de que talvez eu quisesse ser um escritor. Eu lia romances que, para mim, pareciam importar mais do que qualquer outra coisa no mundo. Eles estavam em um outro plano existencial. Passei a enxergar o mundo através de outros olhos, e isso foi emocionante. Eu era um bom aluno e fazia todas as tarefas. No entanto, sempre que tinha tempo, sempre que podia, eu não estava me atualizando em economia ou ciências, estava lendo romances. Lembro que cheguei a levar Moby Dick a um casamento para ler antes da cerimônia. Algo estava me inspirando, e eu não tinha ideia do que fazer com aquilo. O programa Mastery existe para oferecer uma oportunidade, ajudar e aconselhar você sobre o que fazer com aquilo que o inspira, que pode evoluir para algo interessante, mesmo que você não saiba exatamente o quê. Provavelmente, esse foi o motivo pelo qual eu aceitei este trabalho. O evento mais importante que aconteceu para mim no colégio foi a descoberta do poder da ficção. Participar do programa Mastery talvez tivesse me ajudado. No seu caso, provavelmente algum outro tema despertará seu interesse. Há maneiras de colocar muito oxigênio nessa pequena fagulha. É isso que espero que possamos fazer por você. Que em alguma manhã de sábado dos seus próximos dois, três ou quatro anos você aguarde uma tempestade passar no Central Park admirando um monte de terra e imaginando como pintá-lo.

SAIBA MAIS

Encontre seu futuro na Avenues: faça parte de uma equipe que está redefinindo a educação ao redor do mundo.

Explore as mais recentes descobertas sobre educação global nos nossos câmpus em três continentes.

Veja nosso diretório de contatos, incluindo o escritório central da Avenues e nossos câmpus globais.

Voltar ao topo

Escritório central

Saiba mais

粤ICP备19019923号-1