Menu
PortuguêsLanguage select dropdown
  • English
  • 简体中文
Visite-nosInscreva-se
Menu bar
Language select: globe
  • English
  • 简体中文

As máscaras que mostram quem nós realmente somos

Este artigo foi publicado originalmente no Agora, a publicação intercâmpus da Avenues liderada por estudantes de São Paulo e Nova Iorque. Além disso, o artigo também foi selecionado pelo prestigiado World Teenage Reporting Project > COVID-19 Showcase.

Por Manuela A. (SP ‘21), Manuela V. (SP ‘21) e Ana B. (SP ‘22)

Ilustração por Sayuri I. (SP ‘21)

Há seis semanas, nossas vidas mudaram repentinamente. Em uma sexta-feira a noite recebemos a notícia do primeiro caso de covid-19 em nossa escola, que foi fechada por tempo indeterminado. Ainda não havia cem casos confirmados em São Paulo, mas a situação se agravou com o decorrer dos dias e logo os noticiários publicavam matérias sobre hospitais que sofriam com a alta demanda e a falta de materiais de proteção.

Sensibilizados pela situação, Rui Zanchetta (professor de Coding, Programming Studio e Mastery), Ana Paula Giorgi (professora de Ciências), Sabrina Steyer (Dean Of Student Life e College Counselor), Bianca Guimaro (mãe Avenues), Muriel Matalon (mãe Avenues), e o aluno Eduardo F. ('21) decidiram usar seu tempo em casa de maneira produtiva. Foi assim que nasceu o projeto Máscaras 3D, uma iniciativa que visa produzir máscaras 3D e de tecido, além de viseiras de proteção para profissionais de saúde.

A iniciativa não começou tímida. Rapidamente, várias outras famílias da escola se envolveram, doando dinheiro para compra de materiais, oferecendo-se para confeccionar máscaras ou até mesmo comprando impressoras 3D para acelerar a produção. O movimento Makers Contra Covid, liderado por Kadu Braga, passou a ser um parceiro da iniciativa na confecção e distribuição de máscaras para hospitais do Estado de São Paulo.

“É surreal escutar que estamos salvando vidas” — Sabrina Steyer

Em um mês de trabalho, a rede de voluntários distribuiu mais de 80 mil máscaras para diferentes organizações, sempre protegendo os envolvidos e suas famílias em todo o processo, como assegura Muriel Matalon (mãe Avenues responsável pela distribuição de materiais). "Eu perguntava para os motoristas e motoboys que vinham buscar materiais em casa: 'Quantas pessoas moram na sua casa?', e entregava máscaras para eles de um estoque reservado. "

Essa estratégia produzia um "efeito borboleta", diz Muriel, "já que cada vez mais as pessoas vão se conscientizando sobre a importância de se proteger e de proteger os outros em tempos como estes."

É claro que o grupo tem enfrentado muitos desafios pelo caminho. Mas "em condições em que a cooperação e o trabalho em equipe pareciam quase impossíveis, de alguma forma estamos conseguindo", afirma Mateus I. ('21). Ele diz que, entre as motivações para continuar trabalhando mesmo diante de tantos desafios, está o fato de que "É muito empolgante ver algo tão positivo sendo criado a partir de uma situação tão difícil. Eu sei que montar máscaras não está acelerando o desenvolvimento de uma vacina, por exemplo, mas certamente auxilia aqueles que estão cuidando dos cidadãos que mais precisam. Se puder fazer algo para intervir sobre essa situação, mesmo que só um pouco, eu o farei de bom grado."

Geórgia complementa: "Além disso, o feedback que recebemos de médicos e ONGs mostrou como estávamos agindo por algo importante, o que nos manteve ainda mais motivados."**

“Definitivamente, é algo para se orgulhar. Parece que estamos muito mais próximos porque estamos lutando juntos contra essa pandemia” — Mateus I. ('21)

**No dia 22 de abril, menos de um mês depois de iniciado o projeto, Máscaras 3D atingiu sua meta de arrecadar 100 mil reais. A iniciativa tem contado com doações generosas de empresários, mas também com doações modestas: "Tivemos doações de R$ 1,00, de R$ 5,00. Podemos ver de onde vem a verba e, por vezes, vem de alguém da periferia que recebeu uma máscara naquele dia", conta Sabrina Steyer, que também faz parte da equipe de coordenação. Para Veruska Boechat (mãe Avenues) também envolvida no processo, "É incrível notar como cada um fazendo o que pode se transformou em uma avalanche de resultados e coisas boas, sem depender do poder público. Isso volta para nós em forma de uma alegria maior até do que pra quem está recebendo."

SAIBA MAIS

Carreiras

Encontre seu futuro na Avenues: faça parte de uma equipe que está redefinindo a educação ao redor do mundo.

OPEN.ed

Explore as mais recentes descobertas sobre educação global nos nossos câmpus em três continentes.

Fale conosco

Veja nosso diretório de contatos, incluindo o escritório central da Avenues e nossos câmpus globais.

arrow

Voltar ao topo

Avenues Logo

Escritório central

Saiba mais